Category

Eventos

Category

Dia 25 de Maio aconteceu o evento Branding: Estratégia para Alavancar Negócios, uma iniciativa do InfoBranding e da Mentorii Comunicação para colocar o branding em discussão entre empreendedores em São José dos Campos e região do Vale do Paraiba.

Os temas foram estruturados de forma a mostrar ao empresariado como  a gestão de marca pode contribuir para a alavancagem do negócio, destacando-o das inúmera opções que disputam espaço no mercado e transmitindo valor para o público, tanto interno quanto externo à empresa.

O desafio de Branding na Gestão dos Negócios

Marcia Auriani, executiva de branding e gestora do InfoBranding, abriu as apresentações explorando o conceito de marca e sua abrangência, ilustrando com exemplos e aproximando sua percepção estratégica da realidade das empresas de menor porte que, muitas vezes, acabam por acreditar que a gestão de marcas é só para grandes.

Marcas orientadas pelo Propósito

A partir dos conceitos apresentados, Gabriel Meneses, gestor executivo de branding e design do InfoBranding aprofundou o tema do Propósito de Marca, abordando sua importância na sustentação da estratégia de branding (gestão de marcas) e mostrando, em forma de passo a passo, como trazer o conceito para a prática, de forma a mostrar para o empreendedor que aquilo que o diferencia e sustenta sua identificação e relacionamento com o público, pode sim ser colocado na prática, dependendo menos de grandes investimentos e mais de atitudes, atenção e força de vontade.

Marca INVOZ – Integrando Vozes Para O Futuro

Para fechar a equipe da Mentorii Comunicação, representada por Daniel Borges, Marcos Almeida e Vera Coralino consolidou os conceitos apresentados através da apresentação do case da marca Invoz – Integrando Vozes para o Futuro, do Instituto Ozires Silvas. O case transbordou propósito e gestão no seu desenvolvimento e, mostrou de maneira certeira, como é possível fazer uma marca acontecer através da gestão cuidadosa de todos os detalhes que integram uma estratégia de marca.

Após a apresentação os palestrantes e plateia interagiram e levaram adiante uma saudável troca de ideias, consolidando o sucesso do evento na integração e na necessidade de se discutir temas que podem fazer a diferença no mercado.

Temos certeza que muitos projetos virão desse encontro e, a gestão de marca, estará cada vez mais consolidada no empreendedorismo de nosso país.

A todos os envolvidos fica o nosso muito obrigado. Tenham a certeza que estamos sempre a disposição para falar de marcas, ideias e afins.

Compartilhe!
error0

No último sábado o Centro Universitário Belas Artes recebeu o Branding Summit, evento organizado e sob a curadoria de  Martha Gabriel e Marcia Auriani que abordou o branding sob diferentes pontos de vista, apresentando conceitos e proporcionando a interação entre plateia e público. E quando o assunto é branding, o InfoBranding marca presença com Amanda Higa, Denise Cavalcanti e Gabriel Meneses, que trazem as novidades para você!

Marcia Auriani, executiva de branding e gestão do design, iniciou o ciclo de palestras com “Brand Content & Estratégias de Marca” contextualizando o branding e sua importância para a gestão dos negócios, desde suas funções primordiais, como identificar e diferenciar, até chegar na realidade digital, na qual as marcas precisam investir em conteúdo (brand content) para chamar a atenção e se relacionar com o seu público.

WhatsApp Image 2017-05-31 at 11.33.18(1)

Logo em seguida, Alessandro Saade assumiu a palavra a abordando o tema “Economia Criativa e seu Impacto na Gestão de Marcas”, onde enfatizou a necessidade de se orientar por um propósito claro, se mantendo enxuto e ágil nas ações. Saade também salientou a necessidade de se conhecer a última milha, isto é, o último ponto de contato com o consumidor, contato que estabelece o momento da compra. Isso coloca em cheque a necessidade de conhecimento do processo como um todo, desde a concepção até o processo pós-compra.

WhatsApp Image 2017-05-31 at 11.33.17(6)

Para fechar o primeiro bloco os dois palestrantes, Marcia Auriani e Alessandro Saade, conduziram um painel no qual o ponto de destaque foi o fato de negócios digitais refletirem negócios reais, isto é, por mais que uma marca seja essencialmente digital, sua atuação acontece no mundo físico, seja na produção ou na logística.

Foto 1

Seguindo com o programa, Pedro Camargo abordou como tema o “Neurobranding”, destacando questões biológicas como determinantes do comportamento do consumidor. Sobrevivência e reprodução ganharam destaque como fatores motivadores que interferem diretamente nas suas escolhas.

WhatsApp Image 2017-05-31 at 11.33.17(5)

Valeria Brandini deu sequência à abordagem do comportamento do consumidor ao tratar do tema “Netnografia e o Comportamento Humano na Era Digital”, colocando em foco questões como as relações entre empresa e consumidor neste novo cenário, especialmente na utilização do BIG DATA como fonte primária para o desenho de estratégias. Outra questão central foi a supervalorização do indivíduo acima da sociedade.

WhatsApp Image 2017-05-31 at 11.33.17(3)

Valeria Brandini e Pedro Camargo conduziram um diálogo no qual a relação homem e máquina assumiu aspecto central, com questões relacionadas aos limites entre as duas frentes e da tendência de ambos se fundirem em diversas atividades. Nesse sentido, ficou evidente  a necessidade de explorar os potenciais da tecnologia como extensão das capacidades que precisamos aprimorar, por exemplo a internet e os computadores como extensores do nosso cérebro no que diz respeito ao armazenamento e processamento de informações.

Como sempre, Lincoln Seragini empolgou o público com sua palestra “Alma da Marca – Design e Emoção da Marca”, na qual abordou a existência da alma da marca, no sentido de que ela transborda os limites gráficos de seu logotipo para abraçar a emoção das pessoas a partir de estratégias sustentadas por propósitos e valores compartilhados.

Foto 2

 

Daniela Lemke, Luciano Ribeiro e Maximiliano Tozzini Bavaresco participaram do painel “Branding em Ação: cases e desafios” falando sobre pains & gains na visão do cliente.

WhatsApp Image 2017-05-31 at 11.33.17(2)

Lemke falou sobre o desafio de promover o cooperativismo, contando sobre sua experiência no Sistema OCB visando um cooperativismo justo e ético; Luciano Ribeiro questionou o público sobre quais experiências e qual imagem vendemos ao mundo, ressaltando também a importância da ética no contexto das marcas; e Maximiliano Bavaresco destacou a importância da gestão para construção de uma marca de valor.

Para fechar o Branding Summit, Martha Gabriel compilou os assuntos apresentados ao longo do evento e abordou o Branding imerso na realidade digital na qual empresas e consumidores coexistem, cenário que sofre constantes influências de tendências e ondas de mudança inesperadas, intituladas de “zeitgeist”, que determinam a necessidade de adaptação.

WhatsApp Image 2017-05-31 at 11.33.17(1)

Compartilhe!
error0

Faça a sua inscrição!

Vagas Limitadas!

Para se inscrever, selecione a quantidade de ingressos desejada e em seguida clique em “comprar ingressos”. Você será direcionado para uma página de cadastro e, em seguida, receberá uma confirmação por e-mail.EMKT_Evento SJC-09

 

O EVENTO abordará o potencial que as marcas, quando gerenciadas de forma estratégica, sendo encaradas como verdadeiros ativos, têm de agregar valor, gerar diferenciação e alavancar negócios rumo a vantagens competitivas em relação a seus concorrentes.

Com esta visão, os palestrantes têm a missão de apresentar práticas de gestão de marcas que possam fazer a diferença na consistência do propósito e gerar relevância no mercado.

Palestras:

O desafio de Branding na Gestão dos Negócios

Marcia Auriani

Gestora Executiva do InfoBranding. Atua no mercado corporativo como executiva de branding e de gestão do design, atuando no mercado corporativo como palestrante e consultora e no acadêmico como coordenadora e professora de pós-graduação. Coordenadora de cursos de pós-graduação na Belas Artes/São Paulo e na Unialfa/Goiânia. Mestra em Engenharia de Produção com foco em Gestão do Design e Branding pela Universidade Paulista, pós-graduada em Administração de Marketing e graduada em Administração de Empresas pela Fundação Álvares Penteado. Acumula também os títulos de extensão internacional em Negócios na EOI (Madrid) e na Andrés Bello (Chile), Marketing Digital pela HSM Educação, Ensino Superior pela Laureate International Universities, Propaganda e Marketing pela ESPM e Design Management pela LBDI. Autora e organizadora dos livros “Design Digital e Novas Mídias”, “InfoBranding – Práticas de Gestão de Marcas”, “Marketing e Gestão Comercial” e “Gestão do Design”. Assina diversos artigos publicados em congressos e revistas no Brasil e exterior; além disso, representou o Brasil como jurada do concurso internacional Best Brand Awards 2015 e trouxe para São Paulo o III Congresso Internacional de Branding em 2016.

Conheça mais: www.marciaauriani.com.br

 

Marcas orientadas pelo Propósito

Gabriel Meneses

Gestor Executivo de Branding e Design no InfoBranding. Profissional de Branding e Design com foco na construção e gestão de marcas. Possui experiência na criação de marcas e identidades visuais para micro e pequenas empresas, eventos bem como em variados projetos editoriais. Autor de diversos artigos sobre branding, design, propósito e estratégia de marca, para o Portal InfoBranding e congressos. Atua como gerente de desenvolvimento em uma editora científica focada em projetos para a indústria farmacêutica. Possui MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas – FGV, Pós-graduação em Branding/Gestão de Marcas pela Business School São Paulo-BSP e Bacharelado em Design com Habilitação em Comunicação Visual pelo Centro Universitário Senac.

Linkedin: www.linkedin.com/in/menesesgabriel

 

Apresentação de case

A Mentorii Comunicação, empresa de São José dos Campos, tem a missão de apresentar o case de sucesso da Marca INVOZ – Integrando Vozes Para O Futuro, com Daniel Borges e Marcos Nogueira.

 

 

Fotos Site-06Daniel Borges

Entrou para o universo da comunicação quando estudou Técnico em Publicidade e Propaganda na Etep. Seguiu esse caminho formando-se em Desenho Industrial pela Unip. Durante esse tempo, construiu um know-how de mais de 10 anos na área de design e propaganda em diversos segmentos. Entre elas, empresas especializadas em desenvolver produtos aeronáuticos e para pessoas com deficiência e, também, agências de propaganda da região. Ainda na faculdade foi contagiado pelo empreendedorismo, mesmo período em que conheceu a Vera. Mais tarde, foi o responsável em apresentar os sócios. Conheceu o sócio, Marcos Nogueira, no trabalho da Pastoral da Comunicação em que, hoje, realiza trabalhos de design, além de fazer parte da Comissão Diocesana da Pascom e coordenar a Escola Diocesana de Design.

 

Fotos Site-07Marcos Almeida

É formado em Administração de Empresas pela Anhanguera. Se apaixonou por comunicação quando fez teatro e entrou na área quando se graduou em Propaganda e Marketing na Unip. A comunicação o levou a se especializar em Design pela ESPM, Marketing pela UFRJ e Marketing Político pela FGV-RJ. E, com esses conhecimentos, já trabalhou no setor público na articulação de campanhas políticas. É fotógrafo profissional com diversos trabalhos, entre eles, na Câmara Municipal de São José dos Campos. Já foi diretor de criação e fez parte do marketing de agências da região.

 

Local e Horário:

25 de maio | quinta-feira
Das 19h às 23h
Auditório ETEP – São José dos Campos
Av. Barão do Rio Branco, 882 , Jd. Esplanada

Investimento:

R$50,00 + 1 KG de alimento não perecível

EMKT_Evento SJC-08

 

 

Compartilhe!
error0

Marcos Hiller, fundador e idealizador do Brand Thinkers e  Andrei Scheiner, professor FGV e mestre em comunicação pela PUC RIO,  debatem o processo de construção de marca e relevância na vida das pessoas na FNAC Rio. O evento é uma oportunidade de estar cara a cara com especialistas, adquirir conhecimento e trocar ideias.

Local: FNAC BarraShopping – Rio de Janeiro RJ

Data e Hora: 6 de abril, quinta-feira, das 19:30hs às 21:30hs.

Inscrição:
Mande um email com seus dados (nome, empresa, cargo e celular) para marcos@hillerconsulting.com.br – no assunto do email escreva “Quero ir na FNAC Rio” e aguarde a sua confirmação.

Saiba mais:

Os BrandThinkers aterrissam na Fnac do Rio de Janeiro com Andrei Scheiner e Marcos Hiller

 

Compartilhe!
error0

A chuva e o tempo fechado não foram capazes de desanimar os participantes do II Congresso Internacional de Marcas/ Branding na manhã do dia e de outubro de 2015, último dia do evento.

A palestrante foi Martha Gabriel que abordou o tema “Transmidia Storytelling”, tema interessante que lança luz sobre a questão da disputa crescente pela atenção e preferência do público consumidor que, cada vez mais, é requisitado por diversos estímulos, com origem nas mais diversas fontes.

No decorrer da apresentação ficou claro a perfeita sinergia entre os conceitos “transmidia” e “storytelling”, o primeiro mais relacionado com a parte prática e, o segundo, mais voltado para a parte estratégica que, quando juntos, são capazes de resgatar a atenção do público e encorajar sua interação com a marca.

Storytelling, ou a “arte de contar estórias”, consiste na construção de uma narrativa capaz de envolver o público e transportá-lo para o universo a ser comunicado. Permite a transmissão de conceitos complexos de maneira mais simples e direta, uma vez que, contextualizados, se aproximam do universo das pessoas, que passam a percebe-los e assimilá-los de maneira mais natural.

Mas como driblar a sobrecarga de informações que vem de fontes cada vez mais múltiplas e que disputam a atenção do público? Estando presente nas diversas plataformas disponíveis, se aproveitando daquilo que cada uma traz de melhor em termos de tecnologia e usabilidade, de acordo com os interesses do público almejado e segundo a alógica da estória a ser contada. Esse é o conceito de transmidia.

Nesse sentido, as marcas devem se preocupar com os dois conceitos de forma integrada. Se por um lado buscam estruturar uma estória para engajar o seu público a ainteragir com elas, por outro precisam fazer com essa estória chegue até ele por meio das diversas plataformas que ele utiliza diariamente, de forma específica e adaptada, explorando o que cada uma tem de melhor e somando forças para aumentar a propagação.

Diversos exemplos de campanha foram apresentado ao longo das duas horas do encontro. Cases nops quais as marcas realmente fizeram parte do contexto e construíram algo bem maior que um simples anúncio. Entre eles o lançamento do Samsung Galaxy S4, no qual a pessoa é desafiada a não olhar para os lados por 60 minutos para ganhar o novo smartphone, mas diversas distrações começam a ser causadas e na hora o público passa a torcer pela pessoa desafiada e a campanha da BMW com Clive Owen, no qual o potencial do veículo é apresentado de maneira diferente, dentro de pequenas estórias com a participação de outros famosos, como por exemplo, a Madonna:

BMW+Clive Owen: https://www.youtube.com/watch?v=KXx-cF_MUyA

Samsumg S4: https://www.youtube.com/watch?v=CsGlzu2NzX0

Martha Gabriel conseguiu transmitir a mensagem de que o gestor de marcas deve estar atento as constantes mudanças do mercado, tanto em relação a tendências quanto em relação a novas tecnologias e mídias, podendo usar os mais diversos recursos disponíveis para viabilizar de maneira concreta a mensagem que a marca pretende transmitir, sem se perder nas possibilidades e de forma a otimizar recursos e resultados para construir relevância e reconhecimento.

Compartilhe!
error0

É, não tá fácil para ninguém: mercado competitivo, maior eficiência com menos dinheiro. Consumidores exigentes não estão gastando seu escasso dinheiro com qualquer produto ou serviço. E o que as Marcas estão fazendo em tempos de crise? Ou melhor o que elas fizeram antes da crise para garantir seu crescimento?

Não precisamos esperar a crise para pensar diferente.

O Design Thinking é ideal para esses desafios porque questiona o status quo e estimula a inovação, através da observação sob várias perspectivas e empatia às partes interessadas (steakholders) em cenários de incertezas. Problemas complexos se tornam mais simples através de testes, onde é possível aprender errando, gastando menos dinheiro e tempo para atingir os resultados desejados. Foi por essa razão que o InfoBranding achou interessante discutir esse conceito alinhado com o Branding em um curso.

amanda e gabrielDenise Cavalcanti, do InfoBranding, foi a nossa mestre de cerimônias no curso de Branding & Design Thinking, realizado no dia 7 de novembro de 2015, com as palestras de Marcello Lage, Gabriel Meneses e Amanda Higa. 

 

Tente, arrisque, teste, aprenda e evolua!

A manhã começou com as palestras de Amanda Higa (designer e especialista em Branding que atua no mercado farmacêutico com foco em autoestima, saúde e bem-estar) e Gabriel Meneses (designer especializado na área de saúde e farmacêuticas), ambos fundadores e colunistas do portal InfoBranding.

Eles trouxeram os principais conceitos do DT e como é aplicado nas empresas. Eles focaram a abordagem no entendimento do contexto atual, marcado pela complexidade e necessidade de se fazer mais com menos. Nesse sentido o Design Thinking foi apresentado como um processo com origens remotas, representadas por ferramentas consagradas da gestão empresarial como o ciclo PDCA, 5W2H e análise SWOT, ferramentas capazes de identificar características do ambiente e relacioná-las com a realidade interna da empresa, propiciando a criação de um ciclo de melhoria contínua.

Na sequência foi abordada a relação do DT na ótica do seu significado semântico, cuja abordagem sustenta a identificação do seu significado prático, demonstrando que ele não se limita a designers, podendo ser utilizado por diferentes profissionais envolvidos na gestão de projetos de diferentes naturezas. Tal abordagem caminhou para a identificacão do perfil do designer thinker, ou seja, aquele que atua no processo.

Alguns recursos já conhecidos em áreas de criação são muito usados no DT como o brainstorm e o mind map, com o propósito de criar um ambiente criativo onde as ideias possam ser organizadas para traçar um plano de ação que deve ser colocado em prática rapidamente, mesmo que seja como um teste. Economizando recursos físicos e tempo (que uma vez desperdiçado, não pode ser recuperado).

 

Café por favor!


buffet reussPara o coffee do Buffet Reuss a orientação foi: Interagir uns com os outros, principalmente com pessoas desconhecidas, pois isso seria importante para a parte prática do curso!

Essa recomendação foi seguida à risca pelos participantes, e entre um sanduíche e o brigadeiro, não se via ninguém sozinho no celular. O momento foi de conhecer os outras pessoas e trocar percepções. Eu mesmo conversei com alguns participantes, inclusive de cursos passados como o pessoal de São José dos Campos, e já exercitei o networking convidando-os a participar do nosso portal com artigos. Espero que os presentes tenham trocado contatos também, pois esse também é um benefício de qualquer curso: apresentar a sua marca pessoal e expandir a sua rede de relacionamento.

 

Como crescer na crise?

marceloMarcello Lage, professor multidisciplinar de pós e MBA (BSP, HSM Management, Anhembi Morumbi, Belas Artes e Trevisan) começou sua palestra com uma pergunta desafiadora: Como crescer 100% em tempos de crise? Para responder ele contou a sua história e experiência como empreendedor, fundador da marca de pão de queijo Formaggio Mineiro.

A principal mensagem foi que não há um plano de negócios perene, ou seja, as empresas precisarão se adaptar constantemente. Buscando sinergia entre o Factível, o Viável e o Desejável e exercitando a visão focal e periférica quando necessário. Também foi explicado o Funil de Conhecimento com o exemplo da marca Formaggio Mineiro:

A oportunidade: os desafios do mercado e ambiente externo, qual o cenário e oportunidade a ser explorada

O modelo: através da oportunidade identificada > definir o que a marca é, o que ela vende/oferece > quais os pontos devem ser trabalhados

O processo: ações e ferramentas para garantir o funcionamento do modelo > entregar o prometido > resultado

“No inferno, os lugares mais quentes estão reservados para aqueles que escolheram a neutralidade em tempo de crise.” Dante Aligheri

 

Mãos à obra!

praticaDepois de entender os princípios do Design Thinking e conhecer a aplicação na prática através do case do Formaggio Mineiro, nada melhor para fixar os conceitos com um exercício prático. Foram formados grupos de seis a oito pessoas, de preferência pouco conhecidos entre si, simulando uma equipe multidisciplinar (profissionais de várias áreas) de uma empresa. E foi apresentado um tema: Como integrar marca e colaborador. A dinâmica foi feita em fases com uma breve explicação e pouco tempo de trabalho (visando estimular o melhor aproveitamento e tempo de reação para um problema).

mindmap1. Exploração: nessa fase os participantes foram instruídos a conversar entre si sobre o tema, através de sua visão e experiências pessoais.

2. Definição: então selecionamos as principais questões levantadas.

3. Ideação: hora do brainstorm, as ideias são expostas aleatoriamente, sem julgamento. A ideia é que um pensamento evolua em outro.

grupos4. Prototipação: as divergências são resolvidas e é hora de prototipar de jeito rápido e barato. O intuito é errar cedo para corrigir logo. Os grupos aproveitaram para formular um mindmap ou rascunhar uma proposta.

5. Teste (iteração): essa fase foi substituída pela apresentação do projeto de cada grupo. Foi a parte mais interessante do sábado, onde pudemos ver a diversidade de soluções encontradas: Face empresa (uma rede social interna) para integrar os colaboradores, Programa de imersão para conhecer outras áreas, Timeline da empresa para entender sua história e o papel do funcionário na organização, Projeto aprenda com as crianças para levar os valores da empresa de forma lúdica e Workshops de co-criação com espaços especiais para melhorar a comunicação e estimular a inovação. 

todosApesar do tempo ter sido curto para a parte prática (muita gente ficou com gostinho de quero mais), as principais etapas para desenvolvimento de projetos seguindo o Design Thinking foram passadas. O principal intuito do curso era estimular a interação entre diferentes tipos de pessoas, criando novas conexões e desenvolvendo novas maneiras de se resolver um desafio. Esperamos que isso possa ser aplicado no dia-a-dia tanto em casa quanto no trabalho.

O exercício evidenciou a necessidade de reforçar o conceito de Endobranding para engajamento dos colaboradores, tema para nosso 5o Diálogo em abril de 2016.

Para quem ficou com vontade do pão de queijo, eleito o melhor Pão de Queijo do Brasil pela Revista Prazeres da Mesa, vale a pena degustar nas melhores cafeterias ou comprar em um Pão de Açúcar e comer em casa. Saiba mais: www.formaggiomineiro.com.br

Com colaboração de Gabriel Meneses.

Compartilhe!
error0

Dia 01, 02 e 03 de Outubro de 2015 aconteceu o II Congresso Internacional de Marcas/Branding em Lajeado – RS, com o tema Conexões e Experiência, a equipe do InfoBranding esteve presente para apresentação de seus artigos de pesquisa e se conectar a grandes nomes e estudiosos do branding mundial.

Confira o vídeo a apresentação oficial do congresso.

Nos próximos dias vocês poderão conferir alguns dos temas que cobrimos, entrevistas que fizemos e muito mais, fiquem ligados. Para facilitar sua navegação, vamos listar os conteúdos abaixo conforme formos disponibilizando, esperamos que aproveitem!

Compartilhe!
error0

Os eventos já fazem parte de nossas vidas há um bom tempo, na verdade, desde que nascemos. Quando ficamos mais velhos eles se intensificam e se mostram presentes em uma grande variedade de formatos. O que antes eram festinhas de aniversário, na vida adulta se tornam festas, coquetéis de lançamento, eventos sociais, de negócio e muitos outros.

Mas a verdade que é nem sempre nos damos conta do real papel que eles exercem e do trabalho que existe por trás desses eventos para que eles sejam um verdadeiro sucesso.

Pensando nisso o InfoBranding realizou no último sábado dia 4 de Julho seu curso “Branding+Eventos: experiências que fortalecem sua marca” com os palestrantes Kdu Munis, da equipe do InfoBranding, Líbia Macedo, especialista em eventos e Patrizia Battaglia, gerência educacional e eventos da Beauty Fair.

2e

O curso foi um verdadeiro sucesso e fez de uma manhã fria em São Paulo, uma grande oportunidade para discutir e entender o papel dos eventos no mundo dos negócios.

Para abrir o curso Marcia Auriani contextualizou o branding de forma a evidenciar o por quê ele deve ser pauta constante no dia a dia da gestão, principalmente no cenário de um mundo globalizado onde propostas similares estão presentes em todos os lugares, expandindo o conceito de comoditização a novos patamares a cada dia.

3e

Em seguida Kdu Muniz apresentou o poder do branding quando relacionado ao mundo dos eventos, abordando de maneira dinâmica o tema “ Brand Experience em Eventos”, prendendo a atenção de todos e mostrando cases interessantes de sucesso.

A linha central da apresentação do Kdu foi a construção de histórias para proporcionar experiências que fiquem marcadas nas mentes e corações das pessoas. Apresentando o conceito de stroytelling (sobre o qual o InfoBranding realizou um curso em setembro de 2014) Kdu evidenciou a importância da construção de uma história alinhada ao propósito da marca para imergir o público participante em seus conceitos, de forma a ativar áreas do nosso cérebro que permitem conexões entre nossas ideias e experiências.

Kdu elencou ainda os principais objetivos de um evento baseado em brand experience: capturar momentos, criar histórias, evocar emoções e construir uma autêntica comunidade de marca. Isso através de três passos fundamentais: INTRIGAR, INSPIRAR e IMERGIR.

Na sequência Libia Macedo apresentou o olhar dos eventos sobre o branding, unindo teoria e prática na organização, planejamento e execução de um evento. Destacou que a cada dia que passa estamos saindo da era de “fazedores de eventos” para entrar e imergir na era dos “planejadores de evento” com foco no público, na otimização dos recursos, do retorno sobre o investimento e na experiência do consumidor.

A criatividade e experiência multidisciplinar dos profissionais que trabalham em eventos, embora não tenha sido explicitamente citada ao longo da apresentação, ganhou evidência para os ouvintes atentos. Afinal, em tempos nos quis atenção é o objetivo maior, planejar de forma estratégica o momento no qual o público estará imerso no universo de experiência da marca, esses dois itens assumem vital importância.

Para fechar o curso Patrizia Battaglia apresentou o case da Beauty Fair, que sintetizou os conceitos abordados por Kadu e Libia de forma a sustentar a aplicabilidade dos mesmos. Os fatores “entender” as necessidades do cliente e “planejar” o evento de forma a “atender” as necessidades das marcas que fazem parte do mesmo, “convertendo” investimentos em retorno foram abordados com maestria, levando à conclusão de que eventos podem ser a solução para estreitar relacionamentos entre marca e consumidor, pois proporcionam o contato “face to face” e a oportunidade de vivenciar a proposta da marca.

E comum às três apresentações tiveram o viés estratégico dos eventos no espectro de ações de uma marca, mas o principal que se pode extrair dos conceitos apresentados foi o foco no consumidor. Saber ouvir e entender suas necessidades é o que determina a linha tênue entre o sucesso e o fracasso de um evento.

O sucesso do curso evidenciou, sobretudo, o papel estratégico do branding nos diversos segmentos de negócios, nas suas mais diretas abordagens. Reforçou os esforços contínuos do InfoBranding em descomplicar o branding tornando-o acessível para os mais diversos profissionais que todos os dias, direta ou indiretamente, representam uma marca na sua atuação.

Afinal, branding é estratégia, é gestão, é construção, é experiência e sobretudo resultados capazes de alavancar e diferenciar uma marca das suas concorrentes.

1e

por Denise Cavalcanti e Gabriel Meneses.

Compartilhe!
error0

Entre uma ideia e o sucesso existe um árduo caminho a ser percorrido, um caminho cheio de obstáculos  para o qual não há mapas para guiar o viajante. O nome desse caminho chama-se empreendedorismo e a ausência de mapas se deve ao fato do sucesso ter múltiplos significados, que dependem única e exclusivamente da percepção do viajante: o empreendedor.

Para seguir em frente nessa viajem, que diga-se de passagem, não tem volta, o viajante deve ter em mente seu objetivo, sua meta, além de estar munido de seu “kit de sobrevivência básico” composto competência, comprometimento, coerência e trabalho, muito trabalho.

Nessa jornada se destacam as mulheres, viajantes que carregam consigo algo a mais, que na busca por seus objetivos se dedicam ao máximo, acumulando tarefas e se desdobrando  em mil, sem perder o charme e as características que as tornam tão especiais.

Foi pensando nelas que no dia 14 de Abril o InfoBranding realizou o seu 4º Diálogo com o tema “Empreendedorismo Feminino”, onde exemplos de sucesso contaram suas histórias, comentaram suas experiências e apresentaram seus pontos de vista acerca do tema, inspirando a plateia lotada de empreendedoras e mostrando que para um grande sonho não há limites, apenas possibilidades.

Para abrir o evento e dar um panorama do cenário pelo qual as empreendedoras trilham seus caminhos, nossa cofundadora, parceira e empreendedora  Marcia Auriani, que mostrou que as mulheres vieram para ficar no mundo dos negócios, representando uma grande parcela no comando de empreendimentos. Mas, também pontuou questões importantes como planejamento, estratégia e foco no diferencial, sem os quais a perenidade do negócio pode ser seriamente comprometida. E reforçou que para não cair na “commoditização” é preciso que a empreendedora (e empreendedores também) devem investir naquilo que os torna únicos: suas marcas.

Em seguida a palavra passou para Janaína Dias, empreendedora de São José dos Campos, que apresentou como transformou um sonho em realidade e criou o CME- Conselho da Mulher Empreendedora, em parceria com um grupo de mulheres que compartilhavam dos mesmos valores. Uma marca que tem claro o seu propósito: conectar empresárias e executivas de diferentes setores, estimular seu desenvolvimento profissional e pessoal através de encontros periódicos, palestras, debates, eventos e cursos, incentivando um crescimento conjunto de todas as empreendedoras”.

Se há uma mensagem que podemos destacar da palestra da Janaína é a de que com determinação e compartilhamento de valores em torno de uma causa, é possível fazer a diferença e transformar uma ideia em realidade, ou seja, empreender.

A terceira palestrante foi Monica Adan, co-presidente da CIAGROUP. Através de uma apresentação pautada nos conceitos de storytelling, Monica mostrou para os presentes que as oportunidades e experiências que a vida proporciona devem ser agarradas, mas não de qualquer maneira e sim com foco, determinação, competência e viés de aprendizado, fazendo com que os erros sejam os catalizadores de um futuro melhor e que os frutos são colhidos depois do trabalho realizado, ela utilizou-se da metáfora do Bambu para representar a resiliência e visão de longo prazo (entende-se planejamento) como fatores importantes para o sucesso.

Para fechar o ciclo de palestras foi promovido o tradicional diálogo entre as palestrantes, a plateia e a equipe do InfoBranding, o que rendeu muita discussão, interesse e, sobretudo,  estreitou de vez a relação do empreendedorismo com o branding, um tópico que nós adoramos abordar (Conteúdo relacionado: “Branding e Empreendedorismo – A Marca InfoBranding”).

Quando questionadas sobre como elas chegaram a conclusão de que a marca era algo determinante para os seus negócios, as três palestrantes foram unânimes ao ressaltar que a importância da marca não surge de uma hora para a outra, ela é total e existe desde o primeiro momento do negócio e, configura-se com algo a ser dedicadamente trabalhado através de uma visão de longo prazo e planejamento estratégico.

Imagem Artigo 23-01 (1)

A todas as mulheres empreendedoras fica a admiração da nossa equipe, que reconhece que seu papel no mercado e na sociedade é determinante para a construção de um futuro melhor.

Agra é pensar no nosso 5º diálogo, o qual já estamos preparando para você. Fique de olho!

Compartilhe!
error0