fbpx

Branding Pessoal: uma nova tendência

O branding já não serve apenas para empresas. Existe uma nova tendência, denominada Branding Pessoal, que se tornou mais importante do que o Branding Corporativo. E sabe por quê? Porque confiamos mais nas pessoas do que nas empresas!

O grande avanço tecnológico e a alta competitividade vivenciada pelo mercado capitalista na atualidade produziram um grande boom de marcas, produtos e serviços, causando, ainda, uma implacável concorrência mercadológica. O aumento da competitividade gerou a necessidade de as empresas se destacarem perante seus concorrentes, levando-as, assim, a acreditarem no potencial empreendedor mercadológico. Só uma marca forte, respeitada e admirada por seu público-alvo é capaz de manter uma empresa, produto ou serviço vivo e com resultados positivos. Essas mesmas afirmações enquadram-se ao mercado profissional. Nos deparamos com profissionais brilhantes, desenvolvendo carreiras profissionais fantásticas, crescimento excelente, conquistando novas promoções continuamente, recebendo convites para novas empresas, novos cargos e novos desafios de crescimento. Muitos acreditam que a sorte conspira a favor destes profissionais. Entretanto, embora a sorte também possa ser considerada uma ajuda, o real motivo para o fenômeno “desenvolvimento” requer e envolve um planejamento estratégico cuidadoso e posicionamento de marca autêntico.

Alcançar distinção quando a marca em questão traduz um profissional também representa um enorme desafio. A marca pessoal pode ser essencialmente trabalhada do mesmo modo que as grandes marcas empresariais, uma vez que é o maior ativo intangível de um indivíduo. A marca pessoal é uma percepção ou emoção mantida por alguém em relação a você.

No mercado de trabalho, geração de valor de marca também se apoia em diferenciação. É preciso criar uma identidade rica e relevante para que sua imagem se destaque entre os prospects. Demanda um plano estratégico profundo de autoconhecimento, no qual atitudes coerentes e ativos pessoais são costurados aos objetivos determinados pelo profissional. Inicia-se deste modo, uma gestão assertiva de uma marca pessoal.

Todos temos uma identidade e personalidade que reflete na marca pessoal, mas a maioria não se dá conta e não a gerência de forma estratégica, consistente e eficaz. E nós somos aquilo que o mercado enxerga, portanto precisamos assumir nosso posicionamento, ou melhor, a mensagem que queremos transmitir, de forma que seja percebida e respeitada na mente do público-alvo.

Nossa marca é nosso maior patrimônio e acreditem, esse é o grande valor que diferencia um profissional no mercado.  Autenticidade é o que define a excelência na gestão da marca pessoal, é o que irá refletir seu verdadeiro caráter e será construída com base no seu propósito de vida, nos seus valores, nos seus sonhos e na sua verdade. Compreenda essa verdade e vai entender por que sua marca é uma tendência para construção de valor. Quando a marca pessoal é autêntica, o mercado reconhece esse valor.

Quer saber mais sobre Marca Pessoal?
Confira o episódio sobre Branding Pessoal com Márcia Auriani no PodColabora: Branding pessoal, carreira e saúde


Conheça o curso online de Branding Pessoal com Márcia Auriani

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Branding-Pessoal_Site_Banner-4-1024x134.png