No mundo contemporâneo, gestão de marcas não se refere apenas às empresas, produtos e serviços, mas também a pessoas. Neste sentido, a importância do desenvolvimento de habilidades, de competências e de engajamento constrói o reconhecimento no mercado.

Como auxílio para o trabalho, objetiva-se com este estudo mostrar a importância das mídias sociais para atingir o maior número de pessoas e mostrar “quem somos” e o “que fazemos”, além de apresentar a opção da rede social Linkedin, que é pouco lembrada e usada pelos internautas, mas que possui papel fundamental no processo de construção de uma marca pessoal sólida e significativa.

É importante destacar que as plataformas digitais de sociabilização não possuem barreiras geográficas. É neste local que as pessoas conseguem expressar pensamentos e crenças na forma de conteúdo, além de ser um ambiente em que as pessoas estão mais propícias à receber informação, de todos os gêneros. Ao pensarmos em rede social, a plataforma do Facebook é top of mind, pois é onde se tem o maior número de amigos e contatos. Na plataforma, publica-se tudo sobre o dia a dia, pessoal e profissional.

Postar no Facebook virou situação rotineira, quase como escovar os dentes. Trabalha-se tão fortemente nesta plataforma, com atualizações diárias, publicações pessoais e participações em eventos, palestras e cursos que, muitas vezes, o internauta deixa passar a informação de que além dessa rede, existem outras opções de redes sociais, onde é possível explorar o perfil pessoal e trabalhá-lo com o foco no “Selfie Branding”.

Um exemplo é o Linkedin, uma plataforma criada com foco em network. A rede já atingiu mais de 15 milhões de usuários no Brasil, estando na terceira colocação no mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e Índia. Desde 2003, seu ano de nascimento, busca aperfeiçoamento das ferramentas para aproximar e envolver os contatos. A rede, além de ajudar a realizar conexões, traz espaço para filtros, recomendações, exposição do currículo, além de um termômetro de “skills” que são preenchidos por amigos de rede social. É preciso entender que o LinkedIn é muito mais importate do que entrar em qualquer outra rede, quando o assunto é a gestão da marca pessoal. Existem pontos na plataformas que se utilizados, fazem total diferença no resultado final do processo de construção do “Selfie Branding”.

É importante que o usuário se relacione com extrema veracidade e mostre confiança as suas conexões. Além disso, a rede de contatos está ali não apenas para ser uma “estante”: é essencial cuidar da rede, sempre estabelecendo um posicionamento de acordo com os objetivos profissionais e pessoais. Estudar, pesquisar e entender mais a plataforma é prioridade para quem quer trabalhar a gestão da sua marca pessoal.

A partir dessa metodologia de estudo, que visa o melhor aproveitamento da plataforma do Linkedin, através da análise e do aprendizado de como utilizar as ferramentas que a mídia oferece, é possível visualizar uma grande mudança nas ações para o crescimento da carreira profissional e do trabalho efetivo de gestão de marca pessoal.

Compartilhe!
error0

Write A Comment