Herança, algo passado por gerações, pode ser transferido por ancestrais ou entre pessoas que tiveram alguma relação afetiva. Há vários tipos de herança, a genética, do conhecimento, bens materiais e de consumo. E é a herança de consumo que irei abordar nesse artigo.

O consumo de algumas marcas e até mesmo a paixão por elas pode ser transmitida por gerações, uma questão que ultrapassa as regras de marketing, as abordagens de Kotler, Aaker, entre outros, penetra nas relações de cuidado e carinho entre pais e filhos.

omoAlgumas marcas conseguiram realizar esse trabalho com primor, bem antes da “era do branding”. O sabão em pó OMO pode ser um bom exemplo de marca que ganhou seu espaço, é líder de mercado e consegue ser passada geração pós geração. Se notarmos, a maioria das marcas que aprendemos a consumir com nossos pais e avós são de alimentos ou produtos de limpeza, uso como exemplo o açúcar União, achocolatado Nescau, sal Cisne, maionese Hellmann’s, Veja Multi-uso, marcas que atingiram o coração dos nossos genitores e fomos criados consumindo elas, são tão relevantes na nossa vida que as vezes nem notamos, vamos ao supermercado e acabamos escolhendo essas marcas pelo impulso, sem ao menos reparar nas concorrentes. São marcas que provavelmente não seguimos nas redes sociais, nem reparamos nos seus anúncios, mas elas sempre têm vaga garantida no nosso carrinho de compras.

Entretanto, ter realizado esse trabalho não foi nada fácil, o resultado se deve a alguns fatores:

  • Grande investimento em comunicação de massa;
  • Análise detalhada do público-alvo;
  • Estudos criteriosos de design de embalagem e/ou do produto;
  • Presença ativa no ponto de venda;
  • Excelente desempenho do produto.

A meta do marketing é conhecer e entender o consumidor tão bem, que o produto ou serviço se molde a ele e se venda sozinho.” Peter Drucker, escritor, professor e consultor administrativo, considerado como o pai da administração moderna.

Outra marca que vale a pena ser citada é a Brastemp, é incrível como as nossas mães indicam e defendem ela, a minha costuma dizer “se você não quer ter dor de cabeça com eletrodomésticos, compre Brastemp”. Realmente o desempenho de seus produtos são invejáveis, duram anos e anos sem o menor problema, quando solicitei, a assistência técnica foi precisa e competente, além dos produtos terem um design moderno e inovador, realmente não basta apenas a promessa, tem que ser “assim uma Brastemp”.

A herança de marca vai além da relação compra/consumo, tem sentimento envolvido, pois são marcas que sua mãe e/ou avó usavam para fazer a sua comida, deixar a casa bonita e limpinha, remetem a infância e afinal “os homens são o que as mães fazem deles.” Ralph Emerson, escritor, filósofo e poeta.

Compartilhe!
error0

Write A Comment